Tinha o meu cabelo grande há uns bons anos e ultimamente sentia-o mais estragado e pesado que nunca. O ano passado em Agosto fiz um tratamento para combater a oleosidade (que resultou na perfeição) e mais no final de 2013, outro tratamento para combater a queda - que era medonha!

Depois de todos os tratamentos a que expus o meu cabelo, senti que ficou mesmo pesado e já não me sentia bem nele, de forma alguma. Imensas bloggers que gosto cortaram e de certa forma encorajaram-me a fazê-lo também. E se me arrependo? Não. Se soubesse que me iria sentir tão bem com o cabelo curto já o teria cortado há muuuito mais tempo.


Agora, além de me sentir outra (e muito mais feliz!) no meu novo cabelo, sinto-o mais mais leve, mais solto e muito mais bonito. Contudo, cortar não foi a única coisa que decidi fazer ao cabelo, mas também pintar - felizmente consegui disfarçar um bocado a cor na edição, porque quero mostrar-vos com uma luz mais natural. 

Muitas meninas perguntam onde se arranja coragem para cortar o nosso looongo cabelo e até há pouco tempo eu também perguntava e a resposta é simples: não se importem com o que os outros vão pensar, se estão fartas de se ver assim e se já não se sentem bem com o vosso cabelo cortem, sem hesitar. Afinal, ele cresce! xx